Benfica

A revolta de Rafa que explica a ausência de festejos após o golaço no Benfica-Estoril

Rafa foi o autor de um dos melhores golos da 27ª jornada da I Liga. O avançado do Benfica percorreu 80 metros com a bola no pé, deixando para trás três jogadores do Estoril, para concluir com classe, deixando os adeptos presentes na Luz ao rubro.

No entanto, na hora de festejar, Rafa foi invulgarmente comedido e já na flash interview que se seguiu à partida recusou-se a comentar o lance.

Ora segundo adianta o diário desportivo A Bola, o comportamento de Rafa é a demonstração da injustiça e revolta que o jogador sente, por tudo o que tem passado nos últimos meses.

 

Rafa sente-se injustiçado pela forma como ficou exposto, depois de ter sido apontado com um dos principais responsáveis pela saída de Jorge Jesus em dezembro.

 

O avançado de 28 anos também não tem lidado bem com as críticas que tem ouvido, nomeadamente sobre a quebra de rendimento que lhe tem sido apontado, desde que Nélson Veríssimo assumiu o comando técnico do Benfica.

 

  • Para aumentar ainda mais o desconforto de Rafa, contribuiu também o facto de o jogador ter ficado de fora das opções de Fernando Santos para o playoff de acesso ao Mundial 2022. Recorde-se que o avançado foi acusado de ter pouco comprometimento na Seleção, algo que já foi desmentido pelo selecionador nacional.

Rafa não costuma ser muito expansivo na hora de festejar os golos, dada a sua personalidade reservada. No entanto ficou mais exposto quando não se quis alongar após o golaço que marcou.

Um Comentário

  1. o Golo do Rafa foi para oferecer ao Fernando Santos que é empregado da FPF e portanto cumplices nos ataques ao Benfica pela FPF na pessoa do presidente Fernando Gomes…

O que você acha sobre a notícia?

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: