FC Porto

Pinto da Costa: “Não podem provar nada das coisas que dizem ou insinuam”

Declarações de Pinto da Costa, proferidas no dia da consagração do FC Porto campeão de 2021/22, numa reportagem da SIC.

Pinto da Costa, em declarações nos “Dragões de Ouro”, no Estádio do Dragão, em 2021, aproveitou para denunciar “calúnias e mentiras” que disse terem vindo a público, sem se referir diretamente, mas a aludir às buscas ordenadas pelo DCIAP a vários locais do país, entre os quais a sua residência. Alertando de que não iria fazer qualquer discurso e apenas expressar tudo o que sentia, o presidente do FC Porto puxou de um poema de Fernando Pessoa para afirmar que ainda sentia poder “ser útil” ao clube “durante algum tempo” e passou ao ataque.

“Continuo a sonhar e tenho a certeza que Deus me permitirá isso: ter tempo de provar, no sítio certo, a orquestração de certa comunicação social, de calúnia e mentira, para me afrontar a mim, ao FC Porto e aos meus amigos. Estou certo de que ainda vou ter tempo de demonstrar aquilo que sempre fui e que os meus pais me ensinaram a ser: uma pessoa séria e honrada, sem ter nada que se lhe diga. E a obra continuará a crescer sempre, comigo e com quem vier, porque o FC Porto é eterno”, afirmara, em novembro do ano passado.

Agora, em declarações à SIC, no dia da consagração do FC Porto campeão de 2021/22, voltou a garantir que ninguém terá nada a apontar-lhe quando deixar a presidência do FC Porto.

“Mantenho a convicção, porque tenho a certeza absoluta de que não têm nada para me apontar. Até podem apontar-me, mas não podem provar nada das coisas que dizem ou insinuam: que recebi comissões, que foram feitos depósitos nas minhas contas. As minhas contas estão abertas, são claras, não tenho contas em sítio nenhum que não em Portugal. Portanto, é fácil de verem as minhas contas e não encontram lá um euro que seja que não seja justificado com o meu trabalho ou com negócios que tenha feito legalmente, e de que tenha pago os respetivos impostos”, disse, salientando depois que os processos não o preocupam.

Um Comentário

O que você acha sobre a notícia?

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: