Benfica

Última hora: Cartão Vermelho «Benfica tem de agir»

“O Benfica tem de agir em conformidade. E agir em conformidade significa

Pedro Adão e Silva é um conhecido adepto benfiquista. A par da sua carreira na política, o professor e sociólogo também comenta a atualidade benfiquista, na Sport TV, e até já tentou exercer funções no clube. Foi candidato a vice-presidente, na lista de Noronha Lopes, mas saiu derrotado por Luís Filipe Vieira.

À direção atual, o político pede uma maior destreza. Adão e Silva não quer ver o Benfica sempre falado nestes esquemas e processos com a justiça, e espera que Rui Costa faça o que tem que ser feito. Que saiba cortar com o passado, doa a quem doer, mas que aja pelo bem do Benfica e não o de Vieira.

Adão e Silva não quer a atual direção à espera das investigações do Ministério Público, mas antes que se chegue à frente. Que atue e que denuncie quem tiver que denunciar, de forma a limpar o nome do clube.

“O Benfica tem de agir em conformidade. E agir em conformidade significa, por exemplo, uma sequência que tem que ver com a auditoria forense. O Benfica tem de tomar a iniciativa”, disse Adão e Silva na Sport TV, dando o exemplo do Barcelona e o que a direção de Joan Laporta tem feito, que denunciou o ex-presidente às autoridades judiciais, após uma auditoria forense às contas do clube catalão.

“É o que o Benfica precisa de fazer. Com a informação que temos sobre o comportamento daquele senhor [Luís Filipe Vieira] deve desencadear-se um processo profundo de averiguação do que se passou no clube nos últimos anos. Não é para ficar à espera do Ministério Público”, disse o comentador benfiquista.

O que você acha sobre a notícia?

Botão Voltar ao topo